Google+ Revolver Golden Gods 2012: veja quem foram os vencedores ~ #CollectorsRoom ® | música além do óbvio#

12/04/2012

Revolver Golden Gods 2012: veja quem foram os vencedores



Aconteceu ontem (11/04) à noite, em Los Angeles, a quarta edição do Revolver Golden Gods Awards, premiação anual dedicada ao heavy metal promovida pela revista norte-americana Revolver. Ao lado da premiação da Metal Hammer - também chamada Golden Gods -, o evento da Revolver é considerado o mais importante do gênero em todo o mundo.


Confira abaixo quem foram os vencedores da edição 2012, que teve participação ativa dos fãs e da crítica especializada norte-americana. É interessante notar como as bandas de destaque lá são, em sua maioria, bem diferentes das cultuadas atualmente aqui no Brasil. 


Veja os vencedores:


Melhores Guitarristas: Jinxx e Jake Pitts, do Black Veil Brides


Melhor Baterista: Jeremy Spencer, do Five Finger Death Punch

Paul Gray Best Bassist: Nikki Sixx, do Sixx: A.M.

Riff Lord: Slash

Retorno ao Ano: Slipknot

Melhor Banda Internacional: X Japan

Melhor Banda Ao Vivo: Avenged Sevenfold

Melhor Vocalista: Amy Lee, do Evanescence

Atleta Mais Heavy Metal: CM Punk (WWE wrestling)

Fãs Mais Dedicados: Avenged Sevenfold

Álbum do Ano: Korn, The Path of Totality

Golden God: Gene Simmons, do Kiss

Ronnie James Dio Lifetime Achievement Award: Rush


Reações:

4 comentários:

Korn, melhor album do ano?! Você concordo ao menos um pouco com isso, Ricardo?

Eu não escutei, nem pretendo escutar esse disco (sei que muito já vão criticar isso), mas a visão do que é heavy metal na "América" não condiz com a realidade mundial.

Amy Lee melhor vocalista?!

Não, não concordo. Os melhores do ano foram o Machine Head e o Mastodon. Mas os caras sempre viram as coisas de modo diferentes nos EUA, certo?

Prefiro esperar pela premiação ao Metal Hammer.

Também não concordo com KORN melhor do ano, passou longe do meu top 10 também... mas, FIQUE CLARO, não porque não fizeram um grande trabalho, mas APENAS pelo excesso de grandes lançamentos em outras áreas.

Agora, eu acho que o público do Heavy Metal tinha que ter MAIS BOA VONTADE com o KORN. Uma banda que em seu início, a exemplo do Slipknot, eu achava tosca e com uma musicalidade simplória, o esteriótipo do rock americano, etc. Mas AMBAS se reinventaram, deram um passo à frente no peso e na ORIGINALIDADE. O Korn, especialmente, recomendo do "Take A Look At The Mirror" para frente. Passou da hora de fazerem justiça com a banda!!

O último álbum, eles até se aliaram a artistas de gosto duvidoso, mas a parte do Korn mesmo, o álbum que produziram, foi NOVO passo à frente, digno de aplauso! Ouço sempre!

Falo em "justiça" porque no fim dos anos 90 TODO o chamado "nu metal" foi crucificado, e qualquer um era tachado como sendo do estilo, bastava fazer algo diferente. O TEMPO resolveu mostrar que bandas como Deftones, SOAD, Soulfly, Korn, Slipknot e tantas outras tinham MUITO A MOSTRAR, e todo o movimento do metalcore também se desenvolveu paralelamente, se tornou mais complexo, foi flertar com o metal extremo, avant garde, jazz e o escambau, e produziu (e produz!) bandas belíssimas.

Bandas como Linkin Park e Limp Bizkit, por outro lado, nunca vi essa evolução. Para mim, nasceram e morreram toscas e limitadas. Mas essa opinião NÃO é absoluta. Um de meus "heróis" na música, Daniel Gildenlow (Pain Of Salvation), tem o Limp Bizkit como referência. É de cada um. Só NÃO SE PODE condenar sem ouvir e abrir a mente. abços!

O Korn é genial. See You On the Other Side é um discaço. Não é o melhor de 2011 nem de longe, mas é uma excelente banda, infelizmente estigmatizada aqui no Brasil.