28 de abr de 2011

Roadie Crew Classic Series #2: 200 hinos do heavy metal e classic rock que você tem que ouvir antes de morrer!


Por Bento Araújo

Quando você apresenta uma banda ou artista pra alguém, que música você escolhe para impressionar essa pessoa?

Você vai direto ao hit ou escolhe aquela faixa não tão festejada pela crítica, mas sim somente pelo fã mais ardoroso?

Se você sempre opta por essa última, essa edição da Classic Series é feita sob medida para você!

Por que escolher o caminho mais fácil se podemos ousar por trilhar o trajeto mais tortuoso e, consequentemente, mais aventureiro? No final, todos seremos recompensados, e foi uma espécie de recompensa divina segurar essa edição pronta em mãos, um guia nunca publicado antes no Brasil, contendo nada menos do que os 200 verdadeiros hinos do rock e do heavy metal!

Além dos duzentos sons, você irá se deparar com muitos bonus tracks, boxes e mais boxes contendo mais músicas de algum determinado gênero, além de algumas seleções pinçadas por rockstars como Lemmy, David Coverdale, Lars Ulrich e outros. Ao todo são então muito mais que 200 canções. Esteja preparado!

O trabalho foi árduo à beça, porém extremamente prazeroso. Além de consultar o nosso staff, sondamos também jornalistas, gurus da web, leitores, membros de fã-clubes, etc. O resultado dessa ousada jornada você confere nas páginas da revista.

Evidentemente, compilar apenas 200 músicas desses ricos e exuberantes grupos que tanto apreciamos acaba sendo loucura. Inevitavelmente, muitas bandas e outras tantas músicas ficaram de fora.

Bate boca, discussão e a sempre saudável polêmica; é disso que vivem as famigeradas listas. Você pode (e tudo bem, em alguns casos, deve) não concordar com algumas das faixas listadas aqui, mas que fique bem claro que nós temos um compromisso: se você voltar para os seus tão amados discos, que você tinha a completa certeza que conhecia como ninguém, e buscar ouvir aquela subestimada faixa com 'novos ouvidos', a nossa missão estará então finalmente cumprida.

Missão

Compilar as músicas mais amadas pelos verdadeiros apreciadores e experts em rock e heavy metal.

Nosso interesse não foi compilar os maiores hits, ou as canções mais famosas, mas sim as verdadeiras pérolas, aquelas que os próprios compositores têm mais orgulho de terem concebido. Portanto, são músicas que não necessariamente 'emplacaram'.

ATENÇÃO: Nessa nossa lista você NÃO vai encontrar canções que foram tocadas exaustivamente, portanto esqueça “Stairway to Heaven”, “Smoke on the Water”, “Paranoid”, “Back in Black”, “Ace of Spades”, “Breaking the Law”, “The Number of the Beast” e “One”, por exemplo.

Para garantir a sua escreva para assinaturas@roadiecrew.com ou ligue para o (11) 5058-0447

(Nota do editor: a convite do Bento, tive o imenso prazer de participar da produção dessa segunda edição da Classic Series, produzindo alguns textos. Só posso dizer que estou muito feliz por fazer parte desta edição histórica!)

8 comentários:

MONSTERMAN disse...

Texto bem pretensioso este heim, será que o Sr Bento Araujo tá com síndrome de Régis Tadeu (espero que não)... bom só espero que esta edição não seja uma Poeira Zine disfarçada de Roadie Crew como foi a primeira, que só trouxe a opinião de um único crítico, o Bento, e também aquela diagramação zoada, espero ler comentários dos caras da Roadie Crew mesmo, como o Batalha e de gente que realmente vive no meio Heavy/Rock, como o Vitão Bonesso e esperava também uma diagramação na linha da Roadie Crew norrmal, mas pela capa já vi que isso não vai rolar...

Ricardo Seelig disse...

Não achei o texto pretencioso, e também não vi problema algum na diagramação da edição anterior. Cara, é uma série especial, é claro que não vai ser igual a revista mensal ...

Fábio RT disse...

Espero que venda rios... e que a série seja bem diferente da Roadie Crew... essa já tem todo mês ... a participação de outros redatores seria interessante.... mas mantendo o padrão de qualidade da primeira já está de ótimo tamanho

Castillo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Castillo disse...

Achei um pouco pesada a crítica do "Monsterman". Gostei do conteúdo da Classic Series #1, mas concordo sobre a diagramação: para mim, um pesadelo visual e uma agressão à tipografia. Prefiro artes mais limpas, com um melhor uso de imagens — ademais, faltou um bom tratamento a muitas delas.

Celio disse...

E daí que seja uma poeira zine disfarçada de roadie crew? Quem escreveu quase 100% dela foi o Bento Araújo. Natural então a semelhança, que em ponto algum acho maléfica, muito pelo contrário. Como já foi dito, já há uma roadie crew todos os meses e essa se trata de uma edição especial. Quanto a diagramação, de acordo com meu gosto pessoal gostei muito, mais até que o novo estilo da roadie crew mensal.

Edu Verme disse...

Puxa vida. Já estamos mal de revistas especializadas em rock clássico no Brasil, e quando surge uma os caras reclamam até da diagramação!!!! Adorei a #1, só não comprei a #2 porque ainda não chegou nas bancas da minha cidade, mas certamente comprarei. E se for parecida com a Poeira... BELEZA! A Poeira é a melhor revista brasileira do momento, em todos aspectos.
Sobre o texto ser pretensioso, o que ele queria? "Olha, estamos lançando essa revista, talvez esteja boa, pode ser que nossa opinião não seja a melhor, mas estamos tentando melhorar"? Por favor...

Ricardo Seelig disse...

Eu não acho que o texto seja pretencioso.

ONLINE

PAGEVIEWS

PESQUISE