[Carrossel][carousel][6]

24 de mai de 2018

British Lion, projeto de Steve Harris, anuncia três shows no Brasil

quinta-feira, maio 24, 2018

O projeto British Lion, liderado por Steve Harris, fará três shows no Brasil em novembro. A banda paralela do baixista e líder do Iron Maiden se apresentará nas datas e locais abaixo:

09/11 - Rio de Janeiro - Circo Voador
10/11 - São Paulo - Cine Jóia
13/11 - Porto Alegre - Bar Opinião

O quinteto lançou o seu primeiro e único disco em 2012, com uma sonoridade que equilibra influências do Iron Maiden com aspectos de nomes como UFO, Thin Lizzy e Uriah Heep.

Novidades da Image Comics no mercado norte-americano

quinta-feira, maio 24, 2018

A Image Comics anunciou as suas novidades para agosto no mercado norte-americano, e elas trazem sequências de séries que já estão sendo publicadas aqui no Brasil.

Paper Girls, cujo primeiro encadernado contendo as seis primeiras edições foi publicado por aqui pela Devir em março de 2017, alcançou a edição 23 nos Estados Unidos. Falando nisso, que tal retomar a publicação por aqui, Devir? E não só de Paper Girls mas também de Saga, cujo mais recente encadernado brasileiro saiu em junho do ano passado.

Outra novidade da Image diz respeito aos fãs do Soldado do Inferno. Ao contrário do que ocorre no Brasil, lá na terra do Tio Sam as revistas do Spawn seguem sendo publicadas mensalmente. Aqui no Brasil, onde existe um grande contingente de fãs do personagem criado por Todd McFarlane, não temos nada de Spawn nas bancas desde 2012. Um buraco imenso no mercado e que uma editora com a Panini ou a Mythos poderia suprir. Meu sonho é que Spawn seja republicado no Brasil no mesmo esquema que Hellbazer está sendo, com encadernados periódicos de capa cartão e papel de boa qualidade. Será que rola?

Falando em Panini, The Walking Dead alcançou o décimo-quinto ano de publicação, segue a todo vapor e chegou à edição 182 nos Estados Unidos, apresentando o arco batizado como A Comunidade Cresce

Outra série contínua é The Wicked + The Divine, que chegou ao número 39 por lá. O título é publicado no Brasil pela Geektopia, que lançou dois encadernados por aqui - o primeiro em dezembro de 2016 e o segundo em setembro de 2017. Daria pra Geektopia retomar a publicação, né?

E fechando o pacote temos a sétima edição de Hit-Girl, série derivada de Kick-Ass e que não conta com os roteiros de Mark Millar, mas sim de Jeff Lemire, acompanhado pela arte de Eduardo Risso. Como os direitos de Kick-Ass no Brasil pertencem à Panini, mais cedo ou mais tarde acredito que essa série deve pintar por aqui.

Capas abaixo:











23 de mai de 2018

Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel é expandida pela Salvat

quarta-feira, maio 23, 2018

Publicada pela editora Salvat desde 2013, a Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel acaba de ganhar uma nova expansão. Originalmente seriam 60 edições, que ganharam a companhia de mais 60 volumes em 2015.

A nova expansão conta com 30 novos títulos, fazendo com a coleção vá até o volume 150. O primeiro desta nova fase, Os Defensores - O Destruidor de Mundos, conta com roteiro de Matt Fraction e arte de Terry Dodson, e chegará às bancas nas próximas semanas. Este arco foi publicado pela Panini em dois encadernados de capa cartão em julho de 2013.

Em países como Inglaterra, França e Alemanha a coleção teve um total de 200 volumes e incluiu entre os títulos diversos arcos recentes da Marvel como Homem-Aranha Superior, Infinito, A Morte de Wolverine, Pecado Original, Guerras Secretas, o polêmica fase Hydra do Capitão América, Guerra Civil II e outros. Ou seja: como a coleção da Salvat aparentemente continua vendendo bem, não será surpresa se todas essas duas centenas de edições sejam também publicadas aqui no Brasil.

Beeguas alia rock psicodélico à cultura caipira em novo EP

quarta-feira, maio 23, 2018

De Piracicaba, interior de São Paulo, a lisergia psicodélica encontra a força da tradição caipira na música do Beeguas, que lançou recentemente de forma independente o segundo EP da carreira, Se Comunicando, com letras em português e que abordam o cotidiano com uma pitada de ousadia e alucinação. Ouça aqui: https://ONErpm.lnk.to/Beeguas.   

Em questão de 12 minutos, o EP apresenta cinco músicas com riffs certeiros e repleto de efeitos, encorpados por batidas fortes e um vocal envolvente, com uma rouquidão peculiar. A aura do rock sessentista e setentista está também bem marcante neste álbum. Nirvana, Mutantes e David Bowie são algumas referências.

Quem faz o Beeguas é Daniel Lemos (vocal), Victor Miguel (baixo), Maurício Fray (guitarra) e Lucas Campos (bateria), que experimentam música como banda desde 2016 e ano passado lançaram o EP Corvos Marinhos, com músicas mais viscerais e pesadas do que as que estão em Se Comunicando.


O que se propõe, afirma o baixista Victor, é a junção de diversos estilos e sensações. “O Beeguas é a fuga da realidade, um universo paralelo ideal, o encontro de amigos no fim da tarde para um café quentinho. Também é conforto, o bolinho de chuva, uma realização pessoal, e o do it yourself”.

A ideologia do "faça você mesmo" pauta, mesmo, este início de carreira do Beeguas. Os integrantes são responsáveis pelas artes, letras, composições, mixagens e toda produção dos EPs. O batismo do nome também é uma clara manifestação do DIY. Beeguas deriva dos pássaros Biguás, que habitam as margens do famoso e poético rio Piracicaba, que corta a cidade e diz muito sobre o ser piracicabano. “A pamonha, o rio e as capivaras sempre fizeram parte da imagem da cidade, nós queríamos relembrar os biguás”, conta Victor.


Crossovers inusitados e o novo projeto de Brian Michael Bendis são destaques nos novos títulos da DC Comics

quarta-feira, maio 23, 2018

Alguns dos principais destaques das edições de agosto da DC Comics no mercado norte-americano envolvem crossovers entre os personagens da editora e da Hanna-Barbera, universo que agora também está sob o guarda-chuva da DC. As novas uniões trazem a Mulher-Gato encontrando o Frajola e o Piu-Piu, o Coringa com o Patolino e outros encontros inusitados. Além disso, a série Injustice, que conta a história de um Superman enlouquecido que toma o controle do mundo, agora conta com a participação do ... He-Man!

As boas novidades seguem com o lançamento do universo expandido de Sandman, a ótima Senhor Milagre e Pearl, título autoral de Brian Michael Bendis com arte de Michael Gaydos, a mesma dupla que fez história na Marvel com a série Alias, onde a personagem Jessica Jones foi apresentada.

Abaixo está uma seleção com as melhores capas do mês:



































Marvel celebra o retorno do Quarteto Fantástico nas capas de suas edições de agosto

quarta-feira, maio 23, 2018

As edições de agosto das revistas da Marvel no mercado norte-americano celebram o retorno do Quarteto Fantástico ao universo da editora. Afastados desde o final da ótima saga Guerras Secretas, escrita por Jonathan Hickman, os personagens criados por Stan Lee e Jack Kirby estão retornando ao cotidiano da editora, para alegria dos fãs. Por essa razão, várias das capas dos novos quadrinhos da Marvel trazem o Senhor Fantástico, Mulher-Invisível, Tocha Humana e Coisa em suas capas.

Selecionei abaixo algumas das melhores artes que estampam as novas edições que chegam a partir de agosto nos Estados Unidos. Aqui no Brasil, a Panini trabalha com uma janela de oito meses, então esses volumes devem chegar no primeiro semestre de 2019.

Divirtam-se!




































FOLLOW @ INSTAGRAM

ONLINE

PAGEVIEWS

PESQUISE