8 de nov de 2018

Review: Paradise Lost - Gothic (1991)


Gothic é o segundo álbum do Paradise Lost e foi lançado em 19 de março de 1991. E agora volta ao mercado brasileiro em uma nova edição disponibilizada pela Hellion Records, com direito a duas faixas bônus e um DVD chamado The Lost Tapes, com a íntegra de um show realizado durante a turnê de lançamento. Esta é a mesma versão que foi relançada no mercado europeu em 2008, e vem com o som remasterizado.

Foi em Gothic que o Paradise Lost começou a apresentar a sua personalidade sonora. O disco trouxe a banda inglesa unindo de maneira indivisível o metal e o gótico, e criando, por consequência, um novo gênero. A predominância de melodias sombras, intensificadas por teclados e orquestrações bem encaixadas, deu um tremendo toque de originalidade para a música do grupo. As guitarras na cara, despejando riffs e trazendo influência gigantesca do Black Sabbath e até mesmo do heavy metal tradicional, complementam a mistura.

O destaque de Gothic é, entretanto, Nick Holmes. O trabalho que o vocalista faz nas dez canções do disco é exemplar. Seu timbre gutural tem uma profundidade rara, e Holmes consegue imprimir interpretações teatrais que colocam as faixas, invariavelmente, em outro nível.

Gothic é apontado, com justiça, como um dos álbuns mais influentes do metal dos anos 1990. Não à toa, a revista norte-americana Decibel incluiu o disco no seu Hall of Fame, dedicado a elencar os mais importantes álbuns da história do metal extremo. Gothic está lá, ao lado de clássicos incontestáveis como ele: Reign in Blood, Slaughter of Souls, Roots, In the Nightside of Eclipse e outros.

Se você ainda não tem, tenha!

Nenhum comentário:

ONLINE

PAGEVIEWS

PESQUISE