Enquete da semana: qual é o melhor álbum de heavy metal lançado em 1982?


Por Ricardo Seelig

A resposta era óbvia, e aqui está ela:

Iron Maiden – The Number of the Beast – 57%
Judas Priest – Screaming for Vengeance – 14%
Motörhead – Iron Fist – 7%
Accept – Restless and Wild – 6%
Kiss – Creatures of the Night – 5%
Venom – Black Metal - 4%
Manowar – Battle Hymns – 3%
Scorpions – Blackout – 2%
Anvil – Metal on Metal – 1%
Twisted Sister – Under the Blade - 1%

As suas primeiras colocações eram esperadas. Me surpreendeu o Iron Fist na frente do Restless and Wild, do Accept, que para mim é superior. Esperava que o Black Metal, do Venom, também tivesse um número maior de votos.

E vocês, o que acharam do resultado final?

Comentários

  1. Eu gostei. Amo tudo que o Iron Maiden fez nos anos 80, mas o TNOTB nunca foi meu favorito - é nota 10, 5 estrelas, perfeito, sem falhas, mas não está nem no meu Top 3 da banda.
    Votei no Accept - o melhor deles e uma das maiores obras-primas do Metal. Esperava que o 'Metal on Metal' e o 'Blackout' tivessem resultados mais expressivos. Mas foi um bom resultado e todos os álbuns são excelentes.

    ResponderExcluir
  2. Putz, a enquete de 1983 tá difícil, hein??

    ResponderExcluir
  3. Tá mesmo, Ruico, mas eu acabei indo de Metallica mesmo.

    ResponderExcluir
  4. Legal, Beast é mesmo o melhor, mas Metal on Metal merecia uma posição melhor, né não?

    ResponderExcluir
  5. Pois é, Seelig, como eu sei que na enquete de 1986 eu irei votar no Metallica, eu votei agora na obra-prima máxima do Mercyful Fate, também um de meus discos do coração. Mas olha, quebrei a cabeça aqui - só discaço!

    ResponderExcluir
  6. Falar que o The Number é um dos maiores albúns de metal é chover no molhado, mas essa enquete de 83 tá mesmo complicada.

    ResponderExcluir
  7. Só achei que a votação do Manowar foi inexpressiva, um album pra lá de excelente............

    Acredito que é preconceito, por que os caras usavam tangas...kkkkk

    ResponderExcluir
  8. Que época incrível, cheia de clássicos indiscutíveis. Um disco de menor repercussão que curto bastante é o "Death Penalty", do Witchfinder General.

    ResponderExcluir
  9. Concordo, Castillo - os dois primeiros do Witchfinder General são perfeitos!

    ResponderExcluir
  10. É que tem muito disco bom mesmo. Como estou limitando as opções a apenas 10 álbuns, sempre acabam ficando alguns de fora.

    ResponderExcluir
  11. Seelig, suas listas são ótimas. Levam em conta não só a qualidade, mas também a projeção que o discos teve. Citei o "Death Penalty" para externar meu gosto, mas com certeza o Manowar, banda da qual devo gostar de umas cinco músicas, é muito mais importante na história do metal que o Witchfinder General — nada pessoal, viu, Roger; não tenho preconceito contra tangas (risos), afinal, sou fã de Conan, o Cimério.

    ResponderExcluir
  12. É, dessa vez não deu pra fugir do Iron Maiden, mas prometo que na próxima não escolho o "Piece of Mind". Mas por ora estou entre SEIS opções, êta escolha complicada!

    Voltando ao "The Number of the Beast"... por mais que fosse tentador escolher "Restless and Wild", minha provável segunda opção, o disco do Maiden é perfeito. Minto, não é perfeito por uma música, "Gangland", mas "Hallowed Be Thy Name" e a faixa-título compensam qualquer deficiência dela.

    Uma pena "Under the Blade" ter recebido apenas um voto, trata-se de um álbum excelente mesmo, pesado, agressivo, equilibrando canções certeiras e pungentes com outras arrastadas e pegajosas, além de outras que já denunciavam o futuro mais hardeiro do grupo.

    Ah, aproveitando que citaram o Manowar... em nenhum momento passaria pela minha cabeça incluir "Battle Hymns" entre os melhores de 1982... Em compensação, é muito provável que, caso fosse escolher, colocaria "Into Glory Ride" na enquete de 1983. Mas cada um, cada um...

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Você pode, e deve, manifestar a sua opinião nos comentários. O debate com os leitores, a troca de ideias entre quem escreve e lê, é que torna o nosso trabalho gratificante e recompensador. Porém, assim como respeitamos opiniões diferentes, é vital que você respeite os pensamentos diferentes dos seus.