Ranking de Discos: U2


Uma das maiores bandas da história do rock, o U2 foi formado em Dublin, na Irlanda, em 1976, e se transformou em um fenômeno de público sem nunca abrir mão da inovação artística. O som do quarteto de Bono, The Edge, Adam Clayton e Larry Mullen Jr. se reinventou diversas vezes ao longo da carreira, partindo do pós-punk e passando pelo rock clássico, absorvendo influências da música eletrônica e resultando em um pop rock único e cheio de personalidade.

A discografia do U2 é formada por 14 discos de estúdio, 1 álbum ao vivo, 3 coletâneas, 9 EPs, 83 singles, 15 VHS/DVD/Blu-ray e 73 clipes, totalizando mais de 175 milhões de discos vendidos em todo o mundo. 


Perguntei para os seguidores da Collectors Room quais são os melhores álbuns do grupo, e com mais de 1.100 votos chegamos ao resultado final. Este é o ranking de discos do U2 na opinião dos leitores da Collectors:

1 The Joshua Tree (1987) – 19,9%
2 Achtung Baby (1991) – 16,1%
3 War (1983) – 15,4%
4 The Unforgettable Fire (1984) – 11,4%
5 All That You Can’t Leave Behind (2000) – 8,7%
6 Boy (1980) – 6,1%
7 Zooropa (1993) – 5,2%
8 Rattle and Hum (1988) – 4,9%
9 October (1981) – 3,6%
10 Pop (1997) – 3,3%
11 How to Dismantle an Atomic Bomb (2004) – 2,4%
12 Songs of Experience (2017) – 1,3%
13 Songs of Innocence (2014) – 1%
14 No Line on the Horizon (2009) – 0,7%

A disputa entre The Joshua Tree e Achtung Baby pela primeira posição era prevista, no entanto tivemos um terceiro elemento nessa briga, que foi War. Os três se destacaram e lutaram pela liderança até o final. Na sequência vieram The Unforgettable Fire e o ótimo All That You Can’t Leave Behind, que marcou um resgate da sonoridade mais clássica do U2 na virada para os anos 2000 após os discos mais experimentais da década de 1990. A sequência alterou trabalhos dos anos 1980 com discos aventureiros como Pop e Zooropa. E confesso que fiquei bastante decepcionado com a posição dos quatro últimos discos do quarteto – How to Dismantle an Atomic Bomb, No Line on the Horizon, Songs of Innocence e Songs of Experience – todos na minha opinião muito bons mas que parecem sofrer da síndrome do “não ouvi” entre os fãs.

Abaixo você tem, como sempre, uma playlist com duas canções de cada discos, que monta um panorama geral da carreira do U2 alterando entre hits e canções não tão óbvias assim.

Nos comentários coloque o seu ranking e também a sua opinião sobre o resultado do nosso levantamento.

Comentários

  1. Essa lista está muito boa. Mesmo assim vão reclamar.

    ResponderExcluir
  2. Cara, tenho uma dificuldade enorme com U2. Não consigo ouvir nada da banda, pra mim, falta punch! Já revisitei diversas vezes, e nada! Vou tentar a playlist aí acima!

    ResponderExcluir
  3. O resultado é bem justo, apesar de, para o meu gosto, Achtung e All That You virem a frente de The Joshua Tree. Concordo também que os últimos trabalhos são bem interessantes e com ótimas canções, principalmente a partir de No Line On the Horizon, e por isso acho que mereciam estar melhor rankeados. October continua sendo o disco mais fraco da banda, na minha opinião.

    ResponderExcluir
  4. Já fui mais fã na adolescência. Meus álbuns preferidos são, Boy, War e Rattle and Hum.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Você pode, e deve, manifestar a sua opinião nos comentários. O debate com os leitores, a troca de ideias entre quem escreve e lê, é que torna o nosso trabalho gratificante e recompensador. Porém, assim como respeitamos opiniões diferentes, é vital que você respeite os pensamentos diferentes dos seus.