25 de mai de 2012

Documentário conta a incrível história de Charles Bradley

sexta-feira, maio 25, 2012


Um dos melhores discos de 2011 foi o incrível No Time for Dreaming, de Charles Bradley. Com um soul afiado e repleto de feeling e balanço, o cantor norte-americano conquistou a crítica e o público com o seu inegável talento.


A incrível e quase inacreditável história de vida de Bradley é contada no documentário Soul of America, dirigido por Poull Brien, que conheceu Charles quando foi chamado para dirigir o clipe da faixa “The World (Is Going Up In Flames)”, do debut do soulman. 


Apaixonado pela música, o vocalista tentou a sorte na indústria fonográfica inúmeras vezes ao longo da vida, mas nunca conseguiu emplacar nada. Vivendo quase na miséria e sobrevivendo de bicos como cozinheiro, Bradley finalmente realizou, aos 62 anos de idade, o sonho de gravar o seu primeiro disco, um dos melhores álbuns do ano passado. O documentário acompanha toda a transformação na vida de Bradley, de figura anônima das ruas à uma das vozes mais celebradas dos Estados Unidos.


Soul of America é um filme inspirador e pra lá de emocionante, uma declaração de amor pela música.

Ouça mais uma ótima música do The Night Flight Orchestra, novo projeto de Björn Strid e Sharlee D’Angelo

sexta-feira, maio 25, 2012


A Coroner Records divulgou mais uma faixa do disco de estreia do The Night Flight Orchestra, projeto que une o vocalista do Soilwork, Björn Strid, ao baixista do Arch Enemy, Sharlee D’Angelo.


A sonoridade, como você já conferiu nas outras músicas que já postamos, é um rock clássico influenciado por nomes como Styx, Journey, Boston e afins.


Ouça abaixo “Montreal Midnight Supply”, mais uma faixa do disco de estreia do grupo, Internal Affairs:

Ouça Neil Young & Crazy Horse tocando "God Save the Queen", o hino do Reino Unido

sexta-feira, maio 25, 2012


A faixa de encerramento do novo álbum de Neil Young, Americana, gravado ao lado da Crazy Horse, é uma versão para "God Save the Queen", o hino oficial do Reino Unido. Americana traz apenas versões para canções do folclore dos Estados Unidos.


Ouça abaixo a versão do bardo canadense para "God Save the Queen":

Baroness na capa da nova edição da Decibel

sexta-feira, maio 25, 2012


A banda norte-americana Baroness está na capa da nova edição da Decibel. O quarteto fala sobre o seu novo disco, o duplo Yellow & Green, um dos álbuns mais aguardados do ano.


Além disso, a nova edição da Decibel tem matérias com Saint Vitus, Fear Factory, Marduk, Dying Fetus, Lita Ford, Job For a Cowboy e outras bandas, e traz de brinde um flexi disc do Unsane contendo a faixa "Grind".


Metallica: vídeo de “Nothing Else Matters” ao vivo na Itália

sexta-feira, maio 25, 2012


O Metallica tocou no último dia 14 de maio no Stadio Friuli, em Udine, na Itália. Na ocasião a banda executou o clássico Black Album na íntegra e com as faixas na ordem inversa, como vem fazendo na atual turnê.


O canal oficial do grupo no YouTube publicou um vídeo sobre a apresentação, onde é possível assistir o vídeo de “Nothing Else Matters” gravada ao vivo na apresentação.


Avance até 05:15 no player abaixo e confira - antes, o quarteto faz uma jam:

“Devil’s Paradise”, o novo clipe do Ugly Kid Joe - sim, você leu bem, do Ugly Kid Joe mesmo

sexta-feira, maio 25, 2012


Após 15 anos, os californianos do Ugly Kid Joe estão de volta. A banda lançará dia 5 de junho o EP Stairway to Hell e, para promovê-lo, gravou um clipe para a faixa “Devil’s Paradise”. E quer saber? O som é legal e vale o play!


Assista abaixo e conte pra gente o que achou dessa volta do Ugly Kid Joe nos comentários:

L.A. Guns: assista o clipe de “You Better Not Love Me”

sexta-feira, maio 25, 2012


O L.A. Guns divulgou o clipe de “You Better Not Love Me”, faixa do novo álbum do grupo, Hollywood Forever, o primeiro disco de inéditas da banda em sete anos - o último, Tales From the Strip, saiu em 2005.


O trabalho foi produzido pelo lendário Andy Johns, que tem no currículo álbuns clássicos de nomes como Led Zeppelin e Rolling Stones, e chegará às lojas no próximo dia 5 de junho.


Atualmente, o L.A. Guns é formado por Phil Lewis (vocal), Stacey Blades (guitarra), Scott Griffin (baixo) e Stete Riley (bateria). O guitarrista Tracii Guns segue na ativa com outra versão da banda, batizada como Tracii Guns’ L.A. Guns.


Assista abaixo o clipe de “You Better Not Love Me”:

24 de mai de 2012

Butcher Babies: heavy metal somente para maiores

quinta-feira, maio 24, 2012


O Butcher Babies é uma banda natural de Los Angeles formada por duas ex-playmates da Playboy, Heidi Shepherd e Carla Harvey, que aqui assumiram o posto de vocalistas. Ao lado da dupla estão o guitarrista Henry Flury (Amen), o baixista Jason Klein (Azdachao) e o baterista Chrissy Warner (Scars of Tomorrow).


Executando um som agressivo aliado a uma performance teatral bastante influenciada por Alice Cooper e Rob Zombie - ou seja, baseada em filmes de terror e com sangue jorrando por todos os lados -, o grupo, como não poderia deixar de ser, tem um forte apelo sexual, com Heidi e Carla cantando com trajes mínimos e posando para fotos em poses e figurinos provocativos.


A banda acaba de lançar o seu primeiro single, “Mr Slowdeath”, que veio devidamente acompanhado por um vídeo cheio de referências a estética de horror. O som é um heavy metal meio extremo com influência hardcore, como você pode conferir nos vídeos abaixo - que incluem uma versão para “Fucking Hostile”, do Pantera.



O Butcher Babies tem chamado a atenção da mídia especializada norte-americana e europeia - Revolver e Metal Hammer deram destaque para o grupo - muito mais pelo apelo sexual do que pela música, que, pessoalmente, achei bastante sem graça. E você, qual a sua opinião sobre a banda?


Enquanto pensa sobre o assunto, veja algumas fotos do grupo, onde Carla e Heidi deixam claros os seus evidentes dotes artísticos.









Bruce Springsteen: assista o clipe de “Rocky Ground”

quinta-feira, maio 24, 2012


Bruce Springsteen lançou hoje o clipe de faixa “Rocky Ground”, faixa do seu último disco, Wrecking Ball. O vídeo foi filmado em preto e branco e traz trechos da letra sobre as imagens.


Wrecking Ball é o décimo-sétimo álbum de estúdio de Springsteen e foi lançado em 5 de março passado. O disco alcançou a primeira posição nas paradas de 15 países, incluindo Estados Unidos e Inglaterra, e foi muito bem recebido também pela crítica, com direito à nota máxima na Rolling Stone e no jornal inglês The Independent.


Assista o clipe de “Rocky Ground” abaixo:

Slash: assista o show completo de lançamento do novo álbum

quinta-feira, maio 24, 2012


Slash, Myles Kennedy e banda tocaram ontem, 23/05, em Nova York, promovendo o recém-lançado novo disco do guitarrista, Apocalyptic Love. O show, com sons da carreira solo de Slash e músicas do Guns N’ Roses, Velvet Revolver e Slash’s Snakepit, foi filmado de forma profissional e em HD. 


Confira o tracklist do concerto e assista a apresentação completa abaixo:
  1. Mean Bone (Slash’s Snakepit)
  2. Dirty Little Things (Velvet Revolver)
  3. Nightrain (Guns N’ Roses)
  4. One Last Thrill
  5. Back From Cali
  6. Ghost
  7. Standing in the Sun
  8. Rocket Queen (Guns N’ Roses)
  9. Doctor Alibi
  10. Speep Parade (Slash’s Snakepit)
  11. Apocalyptic Love
  12. Watch This
  13. Starlight
  14. Just Like Anything (Slash’s Snakepit)
  15. Halo
  16. You’re a Lie
  17. Sweet Child O’ Mine (Guns N’ Roses)
  18. Slither (Velvet Revolver)
  19. By the Sword
  20. Paradise City (Guns N’ Roses)

Nova edição da Metal Hammer é um tributo ao Black Sabbath

quinta-feira, maio 24, 2012

A nova edição da Metal Hammer é um tributo à mais importante e influente banda da história do heavy metal, o Black Sabbath. As 172 páginas da revista trazem depoimentos de integrantes do Metallica, Slayer, Machine Head, Pantera, Manowar, Mastodon, Dimmu Borgir, Kiss, Rush, Behemoth, Slash, Alice Cooper, Ghost e vários outros grupos sobre a importância do Black Sabbath no universo da música e em suas carreiras. Além disso, os músicos citam também as suas faixas favoritas do grupo.

Como acontece todos os meses, a revista vem com um CD de brinde, e nesta edição ele vem com sons de bandas influenciadas pelo Sabbath como Electric Wizard, Church of Misery, Blood Ceremony, Witchcraft, Graveyard e outras.


Se você nunca comprou uma edição da Metal Hammer, essa é a hora. Clique aqui e garanta a sua!







Aerosmith: veja a capa do novo álbum e ouça a inédita “Legendary Child”

quinta-feira, maio 24, 2012


O Aerosmith divulgou detalhes sobre o seu novo disco, que chegará às lojas do mudo tod no próximo dia 28 de agosto. O décimo-quinto álbum do grupo se chama Music From Another Dimension!, tem quatorze faixas e uma capa inspirada na estética dos filmes de alienígenas da década de 1950.


O primeiro single, “Legendary Child”, está na trilha do filme G.I. Joe: Retaliation, e você pode ouvir a música no player abaixo:




Confira aqui o tracklist completo de Music From Another Dimension!:
  1. What Could Have Been Love
  2. Beautiful
  3. Street Jesus
  4. Legendary Child
  5. Oh Yeah
  6. We All Fall Down
  7. Another Last Goodbye
  8. Out Go the Lights
  9. Love Three Times a Day (Hello Goodbye)
  10. Closer
  11. Shakey Ground
  12. Lover a Lot
  13. Freedom Fighter
  14. Up on the Mountain

Edu Falaschi não é mais o vocalista do Angra

quinta-feira, maio 24, 2012

Em 25 de setembro de 2011, após a desastrosa apresentação do Angra no Rock in Rio e baseado em informações que colhi com a equipe e pessoas muito próximas à banda, publiquei na Collectors Room, de forma exclusiva, que Edu Falaschi não era mais o vocalista do grupo. Oito meses depois, a notícia é enfim confirmada oficialmente pelo próprio vocalista, em carta aberta aos fãs

Pedir para os fãs da banda, que duvidaram da minha credibilidade, que peçam desculpas pelas ofensas pessoais publicadas nos comentários deste post, é impossível, já que estamos falando de paixão e não de razão.

Entretanto, alguns "colegas" de imprensa saíram fazendo uma campanha aberta espalhando que a Collectors Room é um site apelativo e sensacionalista, que busca a audiência a qualquer custo, e por isso publica "boatos" sem fundamento como a suposta saída de Falaschi do Angra. Esse foi um dos motivos que me levaram a deixar de colaborar com alguns veículos.

Mas o principal é que os senhores Edu Falaschi, Rafael Bittencourt e, principalmente, Felipe Andreoli, saíram falando um monte de mentiras a meu respeito e sobre a Collectors Room, me acusando, entre outras coisas, de "defecar pela boca". Desses "colegas" de imprensa e, sobretudo, deste trio de músicos - principalmente o senhor Andreoli -, peço algo que sei que não irão fazer até o final dos dias: que usem a mesma energia que tiveram para me denegrir para os seus fãs para admitir o erro que cometeram e me pedirem desculpas públicas. Mas isso não vai acontecer.

Para encerrar: saiu na Collectors Room é verdade, e não boato. Somos um site sério e sem rabo preso. Tudo que publicamos é checado e confirmado. Não espalhamos boatos. Falamos apenas o que pensamos, de forma clara, direta e sincera. Foi com essa postura que crescemos ao longo dos anos, e é com essa postura que seguiremos em frente.

23 de mai de 2012

Retribution Gospel Choir: assista o clipe de “Maharisha”

quarta-feira, maio 23, 2012


A banda norte-americana Retribution Gospel Choir lançou um clipe para a faixa “Maharisha”, presente no EP The Revolution, lançado pela Sub Pop em março passado. 


O trio formado por Alan Sparhawk (vocal e guitarra), Steve Garrington (baixo) e Matt Livingston (bateria) já gravou dois discos - Retribution Gospel Choir (2008) e 2 (2010) - e vários EPs, e faz um rock alternativo bem interessante, com uma pegada meio anos oitenta.


Assista abaixo o clipe de “Maharisha” e, se curtir, vá atrás de mais material da banda, porque vale a pena:

Os 10 álbuns prog favoritos de Jordan Rudess, do Dream Theater

quarta-feira, maio 23, 2012


Jordan Rudess, tecladista do Dream Theater, listou para o site Music Radar os seus dez álbuns de rock progressivo favoritos de todos os tempos - clique aqui para ler a matéria completa, com os comentários de Jordan para cada disco


A maioria são trabalhos clássicos, gravados nos anos setenta e presentes em diversas listas do gênero. Porém, dois chamam a atenção: o pouco conhecido Prism and Views, do  músico alemão Stefan Zauner, e o fenomenal Grace for Drowning, lançado por Steven Wilson (Porcupine Tree, Storm Corrosion) em 2011.


Confira a lista completa abaixo, e, nos comentários, liste para a gente o seu top 10 prog:
  1. Emerson, Lake & Palmer - Tarkus (1970)
  2. Genesis - Trick of the Tail (1976)
  3. Gentle Giant - Free Hand (1975)
  4. King Crimson - In the Court of the Crimson King (1969)
  5. Pink Floyd - The Dark Side of the Moon (1973)
  6. Van der Graff Generator - Pawn Hearts (1971)
  7. Rick Wakeman - The Six Wives of Henry VIII (1973)
  8. Steven Wilson - Grace for Drowning (2011)
  9. Yes - Close to the Edge (1972)
  10. Stefan Zauner - Prism and Views (1978)

O groove e o balanço irresistíveis de Idris Muhammad

quarta-feira, maio 23, 2012


Em 13 de novembro de 1939 nascia em Nova Orleans, no estado norte-americano da Lousiana, um dos maiores bateristas da história do jazz e da música como um todo. Batizado como Leo Morris, o músico entrou para a história como Idris Muhammad, nome que adotou ao se converter ao islamismo durante os anos sessenta.

O pequeno Leo vivia batucando pela casa e bem precocemente, com apenas oito anos de idade, começou a tocar bateria. Aos 16 já integrava algumas big bands em Nova Orleans, cidade berço do jazz e dona de uma riquíssima tradição musical. O talento de Idris, casado com o balanço único que imprimia ao seu som, fizeram sua reputação crescer assombrosamente.



Entre 1962 e 1964 firmou-se como um dos mais inovadores bateristas da soul music, participando de discos de ícones do gênero como Sam Cooke, Jerry Butler e The Impressions. A proximidade com a cena soul fez com que, em 1966, o baterista se casasse com Dolores “LaLa” Brooks, integrante do grupo vocal The Crystals, que alcançou bastante sucesso na primeira metade da década de 60. Juntamente com Idris, Dolores também se converteu ao islamismo, adotando desde então o nome de Sakinah Muhammad. O casal teve quatro filhos – dois meninos e duas garotas -, e se separou em 1999.


De 1965 a 1967 Idris Muhammad tornou-se membro do grupo do saxofonista Lou Donaldson. Mais tarde assumiu o posto de baterista da banda da casa do renomado selo Prestige, no período de 1970 a 1972, sendo figura fácil nos discos gravados pela companhia na época. Idris tocou também com Johnny Griffin (1978-1979), Pharaoh Sanders (durante a década de oitenta), George Coleman, Groover Washington Jr e na Paris Reunion Band (entre 1986 e 1988). Desde 1995, Muhammad toca e excursiona com o pianista Ahmad Jamal. Finalizando, vale mencionar que o baterista também tocou no clássico musical Hair.



Mas o ponto alto da longa carreira de Idris Muhammad é, certamente, o álbum Power of Soul, lançado em 15 de abril de 1974. Misturando jazz, funk e soul, Idris gravou um clássico indiscutível do fusion, um trabalho dono de um balanço irresistível e sensual, uma obra de arte que superou a prova do tempo.

Terceiro disco solo do baterista, veio na esteira de Black Rhythm Revolution! (1970) e Peace & Rhythm (1971), LPs mais focados no jazz tradicional. Já em Power of Soul a conversa é outra. Gravado ao lado do brother Grover Washington Jr (saxofone), do tecladista Bob James, do guitarrista Joe Beck, do percussionista Ralph MacDonald, do trompetista Randy Brecker e do baixista Gary King, é uma aula de groove, sensualidade, malícia e bom gosto.

O trabalho abre com a sua música mais conhecida, a sublime faixa-título, composta por Jimi Hendrix e presente, em sua versão original, no disco Band of Gypsys (1970) e também na compilação South Saturn Delta (1997). Visivelmente influenciado por Hendrix, Idris Muhammad comanda uma banda afiadíssima, responsável por um embalo hipnótico e pesado que desconstrói a composição de Hendrix e dá à ela uma nova cara, regada por interferências espertas de metais, baixo pulsante, teclados com características psicodélicas e uma guitarra que bebe sem pudor no poço sem fundo da obra do deus negro da guitarra.

O solo de saxofone de Grover Washington Jr destaca-se não só pelo talento do instrumentista, mas também por trazer à tona outro gênio do jazz, o imortal John Coltrane. É impossível ouvir o sax de Washington em “Power of Soul” e não lembrar do Coltrane de A Love Supreme.

Mesmo quem nunca ouviu o disco irá reconhecer a faixa-título de Power of Soul, uma das músicas mais sampleadas da história, além de ter servido de trillha para inúmeros filmes e comerciais. Um clássico indiscutível, um funk de rachar o assoalho comandado por Idris Muhammad, que solta a mão sem dó em seu kit. Enfim, uma aula de ritmo e precisão!


Apenas a música de abertura bastaria para classificar Power of Soul como um disco fundamental na coleção de qualquer pessoa, mas o álbum tem muito mais. "Piece of Mind" se desenvolve em camadas sonoras que vão se entrelaçando, e traz grandes solos de Randy Brecker e Bob James. "The Saddest Thing" tem a guitarra de Joe Beck à frente, que serve como mestre de cerimônias para que cada um dos instrumentistas tenha o seu momento de brilho individual. A manhosa "Loran´s Dance" fecha o disco com melodias que descem dos céus e pescam os ouvintes com sutis manifestações que vão do teclado ao saxofone, da guitarra ao trompete.


Um senhor disco, dono de uma qualidade do mais alto grau, com o passar dos anos Power of Soul, além de solidificar a sua fama de clássico do groove e do balanço, foi elevado, pouco a pouco, ao status de uma das grandes obras do fusion. Esse reconhecimento é mais do que merecido, já que o que se ouve em suas quatro faixas é nada mais nada menos que um dos momentos mais sublimes e iluminados da história do jazz, do soul e do funk – enfim, um dos momentos mais celestiais da história da música!


Atualmente com 72 anos, Idris Muhammad se mantém ativo, tocando e levando o seu dom para novos ouvintes. Uma benção para todos nós!


Adam “MCA” Yauch na capa da nova Rolling Stone

quarta-feira, maio 23, 2012


O Bestie Boy Adam Yauch, falecido no último dia 4 de maio, está na capa da nova edição da Rolling Stone. A revisa norte-americana repassa a carreira do músico em uma bela homenagem.


Além disso, o número 1.158 da publicação traz uma matéria especial sobre as principais turnês que acontecerão durante o verão norte-americano, excursões de nomes como Radiohead, Bruce Springsteen, Red Hot Chili Peppers, Dave Matthews Band, Aerosmith, Coldplay e Black Keys.

A união do Yes com o Genesis na capa da nova Prog

quarta-feira, maio 23, 2012


O Squackett, projeto que une dois dos maiores músicos da histórica do rock progressivo - Chris Squire, baixista do Yes, e Steve Hackett, guitarrista do Genesis -, é o destaque da capa da nova edição da revista inglesa Prog. Na matéria, Squire e Hackett falam sobre o projeto e também a respeito do GTR e do finado XYZ, que tinha Jimmy Page na guitarra mas não chegou a sair do papel.


A edição 26 da Prog traz também a primeira impressão da revista sobre o aguardado novo disco do Rush, Clockwork Angels; a história do álbum Music in a Doll’s House, lançado pelo Family em 1968; uma entrevista com Peter Hammill, onde o músico fala sobre o seu novo disco solo, Consequences, e o próximo trabalho do Van der Graff Generator, Alt; um papo com o holandês voador Arjen Lucassen e muito mais.


Para comprar a nova edição da Prog, acesse o site oficial.




Rush na capa da nova edição da Classic Rock

quarta-feira, maio 23, 2012


O Rush está na capa da nova edição da revista inglesa Classic Rock. Na matéria, Geddy Lee, Alex Lifeson e Neil Peart falam sobre o novo disco do trio, Clockwork Angels, apontado pela publicação como um dos melhores álbuns da longa carreira dos canadenses.


Além disso, a edição 172 da Classic Rock tem matérias como a história de Sabotage, do Black Sabbath; o que rolou na turnê conjunta do Metallica com o Guns N' Roses, em 1992; a história do clássico Harvest, de Neil Young; e muito mais. 




Pra fechar com chave de ouro, a nova edição da Classic Rock vem com dois brindes. Como sempre, temos um CD encartado. Este mês, ele se chama The Spirit of Radio e traz sons de artistas como Joe Bonamassa, Chris Robinson, UFO, Flying Colors (grafado de maneira errada, com um "U" a mais, como você  pode ver acima) e outros. E o outro brinde é um livro de 100 páginas intitulado Dirty Deeds, com trechos de artigos escritos por alguns dos maiores jornalistas de rock do mundo a respeito de nomes como Marc Bolan, Metallica, Ramones e muito mais.


Para comprar a nova edição da Classic Rock, acesse o site oficial.

22 de mai de 2012

Helloween: formação clássica irá se reunir? Não, não vai!

terça-feira, maio 22, 2012


O site MetalTalk publicou hoje a notícia de que a formação clássica do Helloween irá se reunir. Segundo o site, Michael Kiske, Kai Hansen, Michael Weikath e Marcus Grosskopf estão nos estágios iniciais das conversações para o retorno do line-up que gravou os clássicos Keeper of the Seven Keys. No lugar do falecido Igor Schwichtenberg, o posto de baterista ficaria com Daniel Löble, o atual batera do Helloween.


Porém, há muito de suposição e pouco de concreto na notícia. Segundo as informações recolhidas pelo MetalTalk, a reunião não deve acontecer antes de 2015 (?), já que Kiske e Hansen estão em turnê com o Unisonic e o restante do Helloween está em estúdio gravando um novo álbum com o produtor Charles Bauerfeind.


Na boa: 2015? Não chegamos nem na metade de 2012. Ninguém planeja algo desse porte com tanta antecedência, mesmo sendo eles metódicos como todos os alemães. Além do mais, o Unisonic teve uma recepção muito positiva em todo o mundo, e soa bem estranho agora que Kiske e Hansen se acertaram surgir a notícia de que iriam trabalhar novamente com Weikath, do qual ambos já falaram cobras e lagartos.


Se eu fosse você não alimentaria NENHUMA esperança sobre essa suposta reunião. Tudo está tão superficial e sem base que o mais provável é que seja apenas um rumor sem fundamento. Postar que a banda está “na fase inicial de negociações” é tão relevante e sólido quanto uma bola de algodão.

Por via das dúvidas, ficaremos atentos a qualquer novidade, mesmo tendo certeza de que não sairá nenhum coelho desse mato ...

"Band of Brothers", o novo clipe do Hellyeah

terça-feira, maio 22, 2012


O Hellyeah liberou o primeiro clipe do seu novo disco, Band of Brothers, que chegará às lojas no próximo dia 5 de junho. O vídeo da faixa-título do álbum traz a banda tocando em um cenário repleto de chamas. 


Musicalmente, achei demasiadamente similar ao Pantera, o que me incomodou bastante. É claro que sei que a banda conta com Vinnie Paul, ex-Pantera, na bateria, mas um pouco de identidade própria não faria a mal a ninguém ...


Assista abaixo e veja o que você acha:

Neil Young: assista mais dois clipes do novo álbum

terça-feira, maio 22, 2012


O mito Neil Young liberou mais dois vídeos do seu novo disco, Americana. As faixas “Clementine” e “Jesus’ Chariot (She’ll Be Coming Round the Mountain)” ganharam clipes repletos de cenas antigas e históricas, totalmente no clima do trabalho, que é composto apenas por canções antigas e tradicionais do folclore norte-americano.


Americana é o primeiro álbum de Neil Young com os velhos parceiros da Crazy Horse desde Greendale, de 2003. O disco chegará às lojas no próximo dia 5 de junho e, ao julgar pelo que já foi divulgado, será um dos grandes lançamentos de 2012.


Assista abaixo os clipes de “Clementine” e “Jesus’ Chariot”:

Michael Jackson: a edição de 25 anos do clássico ‘Bad’

terça-feira, maio 22, 2012


Comemorando os 25 anos do sétimo álbum de Michael Jackson, Bad, lançado originalmente em 31 de agosto de 1987, a Epic/Legacy colocará nas lojas no próximo 18 de setembro uma edição caprichadíssima do disco.


Intitulada Bad 25, a caixa trará quatro CDs incluindo a versão remasterizada do álbum, um CD só com material inédito gravado no estúdio particular do cantor em Hayvenhurs, um DVD gravado ao vivo no Estádio de Wembley em 16 de agosto de 1988, durante a turnê do disco, e um CD com o áudio desse show.


Será disponibilizada também uma versão mais enxuta, em CD duplo, trazendo o disco original remasterizado e as músicas inéditas. Além disso, o show de Wembley será lançado também em DVD, e Bad 25 ganhará uma edição em vinil picture do álbum original.


Para os mais aficcionados, o site oficial de Michael Jackson já tem em pré-venda de forma exclusiva uma versão batizada como Deluxe Collectors Edition, que contará, além dos quatro discos, com uma camiseta exclusiva, réplica do ingresso da turnê, o programa da tour, backstage pass e outros atrativos.
Fechando o pacote comemorativo, o primeiro single de Bad, “I Just Can’t Stop Loving You”, será relançado em CD dia 5 de junho - com “Don’t Be Messin’ ‘Round” na faixa dois - e em vinil de 7 polegadas dia 26 de junho, com “Baby Be Mine” no lado B.


Bad já vendeu mais de 30 milhões de cópias em todo o mundo desde o seu lançamento, e é um dos álbuns mais vendidos de todos os tempos. Na carreira de Michael Jackson fica abaixo apenas do best seller Thriller (entre 65 e 110 milhões de cópias, depende da fonte) e Dangerous (32 milhões).


Confira abaixo o trailer oficial de Bad 25:

Asking Alexandria pela primeira vez no Brasil em setembro

terça-feira, maio 22, 2012


A banda inglesa Asking Alexandria, um dos nomes mais interessantes e originais do heavy metal atual, tocará no Brasil em setembro. A banda se apresentará em São Paulo no dia 22 (Carioca Club) e em Curitiba no dia 23 (Music Hall). Os shows fazem parte da tour do segundo disco do quinteto, Reckless & Relentless, lançado em 5 de abril do ano passado.


Os shows do Asking Alexandria serão abertos pelas bandas norte-americanas Miss May I e Chelsea Grin, que também estão vindo pela primeira vez ao nosso país.



O que há de novo - e vale a pena conferir - na NME da semana

terça-feira, maio 22, 2012


A edição desta semana da NME traz uma matéria especial sobre tudo o que há de novo e vale a pena conhecer no mundo da música. Bandas, discos, produtores, diretores e tudo mais que tenha a ver com música e que a publicação julgou como interessante está na matéria, intitulada The Hot List.


E, contrastando com tudo isso, a NME desta semana tem pôsteres de dois artistas pra lá de clássicos: Jimi Hendrix e John Lennon ...


Para comprar a nova edição, acesse o site oficial.









ONLINE

PAGEVIEWS

PESQUISE